Um Empate que Diz Muita Coisa

20170730180259_180Pode não ter sido o resultado esperado (e merecido), mas foi um jogo que desmistificou muita coisa.

Está claro como água de fonte que o Corinthians vai tentar ganhar esse campeonato como o Mourinho ganhou o italiano com a Internazionale. Este time até toca bem a bola e possui algumas boas jogadas, mas a estratégia é sempre igual: armar aquelas famosas duas linhas de 4 que historicamente criam dificuldades até para a seleção brasileira e sair em contra-ataques mortais. Para uma equipe que atingiu 41 pontos faltando 2 rodadas para o encerramento do primeiro turno, num campeonato com média histórica de 37 pontos por campeão de turno, eles são sim favoritos.

Sim, o Jô sempre vai arrancar em diagonal para esquerda. Sim, o Corinthians sempre vai se defender com 4 dentro da área. Não tem mistério, não tem variação. Se os clubes observarem isso, podem se preparar melhor para o segundo turno e tentar reverter a vantagem que hoje eles possuem.

Do lado rubro-negro, mais uma vez, o treinador e seus olhos de águia mudaram o panorama do jogo. Cuéllar é um excelente marcador, passa bem a bola e chuta bem também. Mas ocupa uma parte anterior do campo. Com Diego bem marcado e Guerrero sem espaço dentro da área, o time não ia bem. Mas o professor encontrou uma solução.

Diferentemente do colombiano, Arão consegue jogar se adiantando mais pelo lado direito sem perder a característica de marcação, e esta foi uma das principais armas do Flamengo ano passado, antes do meia cair de rendimento e perder a vaga.

A entrada de Arão que a princípio parecia uma troca de “6 por meia dúzia” aproximou jogadores do lado direito, possibilitando que jogadas pudessem ser criadas por ali, e empurrou Guerrero pra dentro da área adversária, de onde esteve fora o primeiro tempo todo. O Resultado disto foi o domínio quase total do Flamengo sobre o Corinthians na etapa final.

Parabéns ao professor Zé Ricardo por este coelho da cartola.

Zé Também colocou Berrío que entrou muito bem. Junto com Arão construiu a jogada do gol da virada, que Diego finalizou pra fora. Às vezes um jogador tem a bola do jogo nos pés e aproveita ou não. Diego tem aproveitado mais que desperdiçado, a balança ainda está favorável a ele.

Parabéns ao capitão por seu golaço. Parabéns ao goleirão pela estréia e parabéns a equipe como um todo pela entrega e dedicação. A vitória não veio por um detalhe. A equipe está encaixada. Aposto em uma sequência boa nas próximas rodadas.

 

Forte abraço, PMA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.